Foi assim que começou...  
     
  No verão de 1990 RAINER colocou um anúncio no jornal (procurando cantores para a banda A capela) e acabou conhecendo SILVIA e TINO. Rainer já tinha cantado com MARTINA no grande Coral "Jazz-Line", que tinha sido fundado por ele dois anos antes. Foi assim que surgiu o grupo "Jazz by 4".  
         
  Nas horas vagas, os quatro começaram a preparar um repertório diversificado para várias vozes sem acompanhamento instrumental. O principal objetivo era fazer uma apresentação no concerto Open-House. Em janeiro de 1990 "Jazz by 4" estreou no palco da Universidade Heinrich-Heine em Düsseldorf.  
         
  ...o antigo grupo "Jazz by 4" com Rainer Deußen, Martina Schlangen, Silvia Twardawa ("Hallöchen"), Tino Hendricks " (da esquerda para a direita).

Foto tirada durante uma apresentação no palco da
Universidade Heinrich-Heine, Düsseldorf.
 
         
  Durante um concerto do grupo A Capela "Tiezes", REINER viu o anúncio "Procura-se tenor". Ele entrou em contato com o grupo e "Jazz by 4" ganhou um novo tenor e maestro. SILVIA apresentou ANGELIKA para o grupo. O segundo grupo "Jazz by 4" aumentou seu repertório e começou a se apresentar em festas particulares.  
         
  O novo grupo "Jazz by 4" (1991-92) com Rainer Deußen, Angelika Krummeck, Silvia Twardawa, Reiner Kühl (da esquerda para a direita).

Esta foto foi tirada durante um ensaio no apartamento de Silvia.

 
         
  RAINER tocava desde 1992 na Coverband "Shake the Sheik", no qual a ULI também cantava. RAINER apresentou ULI ao grupo e assim surgiu o terceiro grupo "Jazz by 4". Depois disso, "Jazz by 4" fez várias apresentações importantes como no Zakk, em Düsseldorf e também junto com o grupo "Mint Juleps" de Londres.  
         
    O terceiro grupo "Jazz by 4" (1993-94) com Ulrike Trost, Silvia Twardawa, Reiner Kühl, Rainer Deußen (da esquerda para a direita).

Foto tirada durante um concerto no
Zakk, em Düsseldorf.
 
         
  Além de dirigir "Jazz by 4", REINER dirigia também O Coralzinho A Capela, em Colônia. CONNY e THOMAS, que faziam parte deste grupo, juntaram-se ao grupo "Jazz by 4" e assim surgiu finalmente "Jazz by 5".  
         
  Finalmente "Jazz by 5" (desde 1994) Conny Gunst, Ulrike Trost, Reiner Kühl, Thomas Mäling, Rainer Deußen (da esquerda para a direita).

Foto tirada durante um concerto no
Zakk, em Düsseldorf.